Publicidade

Acesso Restrito

História de Cubatão



Em 1532, chegaram a São Vicente alguns portugueses liderados por Martim Afonso de Souza para colonizarem o território brasileiro. A região que hoje abriga a cidade de Cubatão servia antigamente como passagem entre o porto e o planalto, o que pouco depois também foi utilizada para passar a carga de um comboio para outro bem como também para fazer descarga de mercadorias.

Neste local, os jesuítas firmaram suas residências, mas somente em meados de 1713, conseguiram o arrendamento das terras. Passaram então a cobrar pedágio daqueles que pelos territórios conquistados passavam e ainda alugavam canoas para o trajeto. Em 1759, os jesuítas foram expulsos da colônia portuguesa e tiveram que deixar as terras que foram ocupadas por colonos da Ilha dos Açores. Neste período de transformação o local recebeu melhores vias de acesso, o que proporcionou melhores condições de vida para os comerciantes do local.

Em 1827 é inaugurado o Aterrado que dava à Cubatão o acesso até o Porto de Santos. A partir desta ligação a cidade cresceu rapidamente. Em 17 de abril de 1833, Cubatão se tornou município, mas não exerceu tal papel, foi anexada a Santos. A partir de melhorias na região, Cubatão deixou então de ser passagem obrigatória até o porto e entrou em decadência.

Em 1925 a Estrada da Maioridade foi concluída e foi considerada, na época, como o principal acesso à capital e a partir disto Cubatão começou a progredir novamente.

Cubatão - São Paulo - Cidades Brasileiras

Participação: Nenhum Comentário

Avaliação:

  • Atualmente /5

Se você quer comentar também Clique aqui

Compartilhe ou guarde este conteúdo

Mais Matérias de São Paulo



Resolução mínima de 800x600. Copyright © 2014 Rede Omnia - Todos os direitos reservados.
Proibida a reprodução comercial sem autorização (Inciso I do Artigo 29 Lei 9.610/98).

R7 Educação